Segunda-feira, 11 de Julho de 2005

Há dias...

Pedro Gomes 1.jpg

Foto Pedro Gomes

Há dias em que quero ser grande, forte, capaz!
Nos outros, quero ser apenas …eu!

Há dias em que a corrente corre de baixo para cima
Nos outros, é empurrada ao sabor do vento!

Há dias em que os meus olhos reagem a luz!
Nos outros, apenas reflectem o que vêem!

Há dias em que o fresco me dá leveza
Nos outros, faz-me tremer de frio!

Há dias em acabei de nascer!
Nos outros, somam-se os que faltam…
rabiscado por Lisa às 03:51

link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De leitor/a a 12 de Julho de 2005 às 21:32
Eu costumo dizer que se não houvessem dias mais cinzentos, não sabiamos dar valor aos coloridos. 1 abraço, escritoraNuno
</a>
(mailto:asd@asd.pt)
De leitor/a a 12 de Julho de 2005 às 06:20
reparo: não é despreocupação,,, é sei lá,,,, *s mmmmsssssPharaoh
(http://www.amrd.blogspot.com)
(mailto:amr_diogo@hotmail.com)
De leitor/a a 12 de Julho de 2005 às 06:18
dias assim, o prazer de rechear a vida com os sabores da ambiguidade,,,são os dias assim passados que nos ajudam a encontrar-nos de novo em outros dias,,, hj tou sei lá,,, é como defino os dias, e sabe tão bem,,,Pharaoh
(http://www.amrd.blogspot.com)
(mailto:amr_diogo@hotmail.com)
De leitor/a a 11 de Julho de 2005 às 12:34
Emmita querida, são os tais picos que vamos vivendo, não é? Seja qual for o extremo, tu descreve-los de forma muito bonita... E às vezes é mesmo necessário que assim seja, que tenhamos um estado de espírito oposto... para saborearmos com outro gosto as coisas boas. Já tinha saudades de te ler e vieste em grande :) Beijo enorme! :)Carla
</a>
(mailto:cferreirapedro@sapo.pt)

Comentar post