Quarta-feira, 15 de Setembro de 2004

Um dia que ficou parado no tempo...

Abri uma porta da estante à procura de alguma coisa que já nem me recordo, e olhei as cassetes de vídeo gravadas há mais 15 anos… do tempo em que as cassetes eram vhs…
O bichinho da nostalgia deu uma picadinha e pronto…lá fui eu matar umas saudaditas.
Voltar a ver rostos que já não existem, outros que tinham acabado de conhecer o mundo, olhar o meu rosto cheio luz, fez-me brilhar os olhitos …estes anos correram tão rápido.
No meio da nostalgia, não deixei de reparar que a moda é uma coisa gira…. Ri-me muito das franjas das senhoras...todas levantadas como se tivessem batido contra uma parede…tudo cheio de permanentes… naquela altura já todos nos achávamos gorduchos… hoje pareceram-me uns magrelas… as lágrimas chegaram-me com o riso.
Ver assim um dia que ficou parado no tempo porque ficou registado numa cassete…parece-me muito mais longo que a soma dos que tenho na memória destes anos todos.
Fez-me bem! Fazem parte de mim!

rabiscado por Lisa às 01:21

link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De leitor/a a 16 de Setembro de 2004 às 02:13
o tempo voa...
Há 15 anos veio abaixo o Muro de Berlim e com ele todo um pedaço de história que marcou o século passado... foi assim à tanto tempo ? a mim parece-me que foi ontem....
o tempo voa...
o tempo não pára...eu
</a>
(mailto:eu@clix.pt)
De leitor/a a 16 de Setembro de 2004 às 00:20
Já lá diz a canção "recordar é viver", sabes? Por acaso não tenho dessas cassetes em casa, mas sim fotos, onde se podem ver aquelas calças à boca de sino e os tais penteados que referiste.
Se gostas de poesia dá um "saltinho ao meu blog em http://poesiaemfolhassoltas.blogs.sapo.pt/
e espero que venhas a gostar.
Xau....aaviador
(http://poesiaemfolhassoltas.blogs.sapo.pt/)
(mailto:aaviador@iol.pt)
De leitor/a a 15 de Setembro de 2004 às 06:04
Não tenho cassetes dessas... e adoraria ter... Saudosista como sou, penso que pegaria nelas de vez em quando. Devem ser uns momentos tão felizes... exactamente como tu descreveste. Beijo grande e continua a gravar a tua vida e daqueles que amas :) Carla
</a>
(mailto:cferreirapedro@sapo.pt)

Comentar post